Instituições

Embora de origem medieval, com forte influência dos modos de cuidar de doentes da medicina árabe e expansão na época moderna, os hospitais como o conhecemos, grandes equipamentos com uma enorme pluralidade de serviços e autossuficiência, é fenômeno do século XX. Na mesma medida em que se expandiam esses equipamentos, ancorados nos saberes médicos acadêmicos que neles passaram a se desenvolver, formavam os sistemas de saúde contemporâneos, sempre pressionados pelos embates entre a saúde pública, as ações filantrópicas e a medicina privada. No caso brasileiro, com forte presença de instituições certificadas como filantrópicas em saúde, a construção do SUS carrega esta marca de origem: serviços do SUS, públicos, oferecidos por instituições privadas, filantrópicas em sua maioria, e convivendo com instituições integralmente públicas. Tal imbricação entre ações e equipamentos públicos e privados, exige do pesquisador cuidado ao observar os modos e regramentos de financiamento do SUS, já que existem recursos que se movimentam entre as esferas pública e a privada. Neste projeto, espera-se aprofundar a compreensão dos gastos tributários em saúde e observar como incidem sobre o financiamento do SUS.  

© 2022 Unifesp - Universidade Federal de São Paulo
Av. Sena Madureira, 1500, 2o andar - Fone: 5576-4848 (ramal: 8453)
Instagram | Facebook | E-mail